terça-feira, novembro 06, 2007

JUS ESPERNIANDI...


Hugo Caldas

Vocês estão de prova. Alguém não quer que eu continue contando os meus "recuerdos." Todos estão vendo que não é má vontade minha. Sempre dá de acontecer mais uma desgraça... Pois é, hoje já é quase amanhã e não consigo dormir com o disse-me-disse do terceiro mandato para o apedeuta. É demais para o meu pobre coração. É demais para a vergonha que acho ainda tenho na cara. O que dizer também, da súcia que invadiu o planalto e lá pretende se perpetuar? E o Congresso?

Cartas ao editor dessas mal traçadas.

Oh, minha gente, eu não dei na minha mãe nem atirei pedras na cruz para merecer esse tipo de sacanagem. Vou terminar me alistando nos Marines. Melhor tentar a vida e a morte no Iraque do que tolerar mais um mandato desse parlapatão e sua gente. Juro que não dá mais pra agüentar. Explode coração! Em última instância, dá até vontade de agir como o Alain Delon que emigrou para a Suíça em protesto ao governo socialista de Mitterrand. Ressalve-se entretanto, que a citação é meramente incidental já que, em outros e diversos campos, eu me considero bem mais apessoado do que o conhecido ator francês, um direitista juramentado.

É bandalheira demais!

Primeiro começaram a veicular pela TV um comercial subliminar, aliás muito do chinfrim, fajuto mesmo, do Banco do Brasil, onde todo mundo mostrava três dedos numa clara alusão ao número 3. Depois o Jornal Nacional mostrou o congresso do partido dos trabalhadores (sic) onde o número 3 também pontificava. Agora, a discussão ganha as ruas. A imprensa fala e o cretino mor rebate, negando o fato do qual ele mesmo é o maior incentivador. Essa representação farsesca é que agride a minha inteligência. E evidentemente a de todos os que se consideram pelo menos de percepção mediana.

Ninguém aqui é burro não, meu senhor!

Caos aéreo reaparecendo. Cinco desastres aéreos com onze vítimas em menos de uma semana. A ameaça da falta de gás se concretizou. O gás começa a desaparecer. Alguém se lembra do Morales, aquela versão piorada do trapalhão Zacarias? Pois é, o "cumpanheiro" índio não queria apito. Queria uma refinaria. Conseguiu. Fincou o pé, se aboletou e nos roubou toda uma vida de investimentos da Petrobrás. Ficou por isso mesmo. Ganhamos outra do titio Chavez e o Brasil foi forçado a passar a contragosto a mão sobre a cabeça do cocaleiro. Para resolver a constrangedora situação, o primeiro mandatário da nação (sic) finalmente irá à La Paz. Quando dezembro vier. Com tudo isso acontecendo, o Mangabeira Unger, ex-ministro da Sealopra virado em aspone, insistindo em fazer parte do governo que ele mesmo espinafrava algum tempo atrás, com seu sotaque de gringo e Sua Excia dando-se ao deleite de imaginar terceiros mandatos! Pode? Pode. Cinqüenta e quatro milhões de reincidentes votaram nele!

Vislumbro no entanto, pesadelo ainda mais aterrador.

É do conhecimento de todos o quanto o espiroqueta é invejoso e adora imitar os outros. Ele acorda "invocado" freqüentemente, não é verdade? Vai que ele "cisma" de, a exemplo dos hermanitos argentinos, nós também devêssemos ter uma presidenta. Hein? Que tal um pequeno exercício de imaginação e antever D. Marisa como mandatária suprema “deste país”? Ou a Dilma, (candidata in pectoris) ou até quem sabe, a Martha, com o seu amancebado portenho, posando de eminência parda?! É aí que reside o perigo!

Estou assombradíssimo.

Falta de respeito, meus caros. Isso não é coisa que se faça a um cristão. E logo eu, já com o passaporte carimbado pra subir! Custava esperar um pouco mais? Repito, falta de respeito! Definitivamente desisto de Pindorama. Eu quero mais é ir embora pra Pasárgada. Eu quero morar em Timbuktu, Uganda, Chade, por aí. Melhor será vender pastéis de vento no Saara, refresco de groselha no Pólo Norte, esmolar pelas ruas de Sumatra. Só não dá mesmo é pra continuar a viver (?) nessa terra de muro baixo.

Em tempo:
Gosto de Sapoti, Manga Espada, Laranja Mimo do Céu, Jornal do Brasil, palavras cruzadas, rapadura, Torta de Limão, doces, em especial um pernambucaníssimo chamado "Nêgo Bom". Espero que vocês, parcos leitores, me visitem na cadeia!

6 comentários:

Anônimo disse...

AVISO AOS NAVEGANTES:
Na impossibilidade declarada pela Djanira em postar aqui o seu comentário, tomei, data venia, a liberdade de postar eu mesmo o seu interessaante texto. Hugo

"Li o último comentário sobre a reeleição do sujeito. Não quero gastar minhas letras escrevendo o nome do infeliz. Aliás, infeliz somos nós tendo que aturar o celerado. Tentei escrever um comentário na própria página e não consegui. Motivo: sou completamente inocente - quanta gentileza - para não dizer burra quando se trata de entrar nos mistérios da computação. Aliás em outros mistérios também.
Quero parabenizá-lo pela beleza de comentário.
Será que adianta alguém se indignar neste país? Quem lá se importa com o que a gente diz ou pensa se quando chegam as eleições os protestos se transformam em votos que descem guela abaixo das urnas enquanto nós temos que engolir o velho sapo ou o sapo velho sem tugir nem mugir. Parabéns, mais uma vez. Djanira Silva

Anônimo disse...

Caro Hugão! Infelizmente não poderei visita-lo levando-lhe nêgo bom, razão:também estarei preso, mais imagina, dois Pereiras numa mesma cela, Hahaha, vai ser de lascar. Parabéns pelo artigo, antes disso pretendo me mudar e o convido também a vir comigo, vamos para o Bulhões,Pais tranquilo longe do mar, portanto sem risco de lulas. Abraços teu irmão E.P.C.

Anônimo disse...

Hugão, só não concordo com a frase "Aqui ninguem é burro não!" Como não, federal? Se nosso povo fosse minimamente inteligente não teria posto no poder essa coleção de safardanas. Votar em Lula, Zé Genoíno, Maluf, Palocci, Romero Jucá, Sarney... Pô, mermão, a gente nem somos burros. Essa afirmação seria uma ofensa ao nosso bravo jerico. Nós somos é pessoas de caráter duvidoso. Pra dizer o mínimo. Eu não votei em nenhum desses pilantras, nem nos outros de igual dentuça. Mas me sinto brasileiro, e portanto parte de um povo perdido e esmerdalhado. Tenho dito! Carlos

Anônimo disse...

Hugão,faço minhas as suas palavras.
Como dizia Boris Casoy "é uma vergonha".
Aqui pra nós, tem muita gente se dando bem com o 3, eles lá são bestas de perder de continuar mamando nas têtas do governo???
Uma pena pra nós, que ainda pagamos pra ver isso aí.
Mary

yanmaneee disse...

vans shoes
adidas stan smith
nike air max
jordan 1 off white
moncler outlet
kevin durant shoes
nike cortez
yeezy boost 350 v2
kd 12
nfl jerseys

yanmaneee disse...

golden goose
golden goose outlet
goyard
supreme clothing
yeezy supply
golden goose sneakers
yeezy
yeezy shoes
golden goose
goyard handbags